20/01/2011

Para reflectir ;)

“- Vamos encarar os factos, certo, Jessica? O nosso casamento não tem sido um jardim de rosas. Botanicamente falando, o seu perfil é o de uma planta carnívora.
- És um homem muito difícil de se conviver.
- Foi por isso que tiveste um caso.
- Não tive um caso. Foi um breve interlúdio de infidelidade e aconteceu há anos. Ainda não consegues esquecer isso!?
- Casei contigo pelas razões erradas.
- O que queres dizer com isso?
- És brilhante. Eu queria alguém para conversar. Tu amavas música clássica, arte, literatura. Sexo! Amavas-me!
- Essas parecem-me ser boas razões!
- Sim! Exactamente! Esse é o problema. Foi racional, isso faz sentido!
- Não sei o que é que deu de errado.
- Quando se examina mais de perto, há muito em comum entre nós. Na teoria somos perfeitos. Mas a vida não é só teoria . . .”

(Do filme: Whatever Works, de Woody Allen)

Para reflectir ;)

1 comentário:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.